Diversão e água fresca

No último artigo, o tema foi o calor na Alemanha, coisa que muitos não esperam. Nada como aproveitar o sol e as temperaturas mais altas para dar um mergulho, se refrescar e se divertir. Pode ser nas águas da praia, do rio, do lago ou de uma piscina. O artigo de hoje vai tratar então das inúmeras piscinas e centros aquáticos espalhados pelo país.

Era uma vez um banheiro público…

Até o início do século XX, era comum os banheiros públicos, equipados com duchas e banheiras, para atender a maior parte da população que não tinha banheiro dentro da sua unidade de moradia. Ter na cidade um Volksbad – como era chamado esse banheiro público –  passou a ser um símbolo de bem-estar social. A partir do momento que o acesso à água encanada ficou mais fácil e abrangente, os banheiros passaram a ser parte integrante de qualquer moradia.
Com isso os banheiros públicos perderam sua razão de ser e transformaram-se em centros aquáticos para o lazer e o esporte. As cidades eram donas e administravam esses centros. Questões financeiras provocaram o fechamento de mais de 1.100 piscinas públicas nos últimos dez anos na Alemanha, mas ainda há mais de 6.000 em funcionamento.

Diferentes centros aquáticos

É importante distinguir três tipos:
Insulaner

©BBB – Sommerbad Insulaner

*Freibad – é o termo usado para as piscinas ao ar-livre, mas pode também ser uma área delimitada para o banho num rio ou lago. Também é chamado de Sommerbad porque não funciona no inverno.

*Strandbad – é o termo usado em geral para as praia de rio ou de lago. Nem sempre a margem tem uma grande faixa de areia e nesse caso há um campo gramado para acomodar os banhistas. Nessa área delimitada fica proibido o trânsito de barcos e botes, bem como a pescaria, a fim de garantir a segurança dos banhistas.
*Hallenbad – é o termo usado para a piscina coberta, que pode estar num ginásio ou num salão. Esse tipo de piscina pode ser usado durante o inverno sem problemas. Algumas ficam fechadas nos meses de verão, já que a preferência nessa época é pelas piscinas ao ar-livre.
Existem alguns outros termos que indicam uma determinada especialidade do centro aquático. Por exemplo, num Freizeitbad os banhistas esperam encontrar tobogãs, escorregas e outros elementos que tornem o banho de piscina mais divertido.

Bom saber

*É preciso pagar entrada para utilizar os centros aquáticos, independente do tipo.
*Alguns oferecem também sauna e massagem. Em geral, esses serviços não estão incluídos no valor da entrada.
*Esse negócio de já ir com biquini ou com sunga por debaixo da roupa não é coisa típica alemã. Voltar com a roupa de banho úmida então (às vezes até deixando a marca molhada)… nem pensar! Os banheiros/vestiários femininos e masculinos estão lá para que todos possam trocar de roupa e tomar banho confortavelmente.
*Em geral, há secadores disponíveis para que ninguém precise sair com os cabelos molhados, o que também não é uma coisa muito alemã.
*É bom levar um chinelo de borracha extra para quem não gosta de andar descalço. Sapatos, tênis, sandálias são permitidos somente em algumas áreas.
*Para matar a sede e a fome, há quiosques e pequenos restaurantes. Outra opção é levar comida e bebida de casa. O importante é prestar atenção nas áreas onde é permitido comer e beber. Na beira da piscina? Pode esquecer.
*Todos os centros têm salva-vidas e uma equipe que cuida para que não haja acidentes. Se alguém estiver fazendo alguma coisa proibida ou colocando em risco os outros banhistas, eles têm liberdade para chamar atenção da pessoa, retirá-la da piscina e até proibir sua entrada no local, se for preciso.

Onde?

Stadtbad Mitte

©BBB – Stadtbad Mitte

Em Berlin encontra-se uma das maiores operadoras de centros aquáticos públicos da Europa: Berliner Bäder-Betriebe. São mais de 60 piscinas de diferentes tipos que além de lazer, oferecem também aulas de natação. É necessário desembolsar 4,50€ em Berlin para a entrada válida pelo dia inteiro. Nos três centros classificados como Freizeitbad o preço do ticket diário sobe para 10€.

Não sabe se há piscinas por perto? O site Schwimmbadcheck permite a busca pelo nome da cidade ou código postal. O resultado da busca traz uma avaliação do local além de comentários de quem já visitou.
O que sua cidade oferece para você se refrescar no calor? Você curte praia e piscina?

8 Responses to “Diversão e água fresca

  • Os banhista são respeitados (dentro d'água) igualzinho aqui no Br! rsrsrs

  • E fora também 😉 Não pode levar aquele rádio enorme e colocar música (seja qual for) lá nas alturas, por exemplo.
    Um abraço!

  • Ah! eu adoro ir nesses lugares! Infelizmente esse ano não estou tendo tempo. Domingo estava um dia lindo e ainda recebemos convite pra irmos, mas tínhamos tantos móveis pra montar que acabamos ficando em casa. Lu, eu gosto de ir durante o inverno. Ano passado fui no Aquatoll em Neckarsulm e adorei a piscina do lado de fora. O frio na cabeça e o corpo quentinho dentro da água!!! Muito legal!
    Eu também já fui num lago durante o verão, num dia que fez 38 graus, há dois anos atrás e adorei, pois mesmo com altas temperaturas a água ainda permanece geladinha.
    Aqui em Tü, tem uma parte do rio que dá pra tomar banho, ainda não fui, mas quero ir ainda nesse verão!
    beijos e boa semana!
    Ana

  • Também gosto, Ana. O legal é ter essas variações, o que acaba permitindo que a gente possa curtir uma piscina tanto no verão quanto no inverno. Aliás, dar um mergulho e fazer sauna é ótimo para espantar aquele 'down' dos dias cinzas de inverno 😉
    Bem, a previsão é que o tempo continue bom até o fim da semana pelo menos. Espero que consiga um tempinho para se refrescar.
    Beijos e boa semana pra vc também!

  • Oi Lu, aqui em Dresden tem um bacana, levamos a Valentina ano passado.

    Estivemos rapidamente me Berlin no final de semana passado, chegamos no sabado e já saimos no domingo.
    Passamos pelos pontos rapidamente no sábado e no domingo resolvemos fazer um passeio para a valentina, então a escolha foi o Zoo, que adoramos!!!
    Vou ver se faço um post, alias tenho mil posts para fazer e estou desanimada… Ai Lu meus pais voltaram hoje para o Brasil e estou estraçalhada de tristeza….
    Nem tenho mais lágrimas para chorar… dificil isso né?
    Será que é sou eu exagerada??? como é com você?
    beijão

  • Poxa, Ana, nem avisou! Vocês pegaram então um fim de semana bem quente e ensolarado. Imagino que só com o sábado para turistar deve ter sido bem rapidinho mesmo. O bom é que Dresden fica pertinho e vocês podem vir com mais calma 😉
    Direto e reto: eu choro! Choro na ida, na volta, quando vêm, quando vão,… Se não sou eu que estou voando, fico olhando o avião até sumir no meio das nuvens. E as lágrimas rolando. Se sou eu que estou no avião, fico olhando pela janela numa tentativa em vão de querer manter contato visual. E as lágrimas rolando…
    Beijo grande e força!

  • Oi Lu, estou aqui para registrar uma mudança de opinião hoje estivemos em uma piscina que em nada se parecia com a anterior aqui registrada. Chama-se Schwarzenbergbad, em Saarbrücken. Uma delícia, não muito cheia, havia uma piscina enorme para as crianças brincarem com tranquilidade e mais duas piscinas para adultos, muitas árvores, um parquinho e três lanchonetes.
    E vamos aproveitar o verão!!!!
    Beijos,
    Fernanda

  • Oi, Fernanda
    que bom que vc teve uma experiência boa pra contar aqui! Pela descrição parece ser um lugar bem legal e com 3 piscinas e provável que tenha espaço para todos. Nem toda piscina é muvucada, né?
    E vamos aproveitar o verão mesmo! Tirando o domingo passado, tem feito dias ótimos por aqui 🙂
    Beijos!

Deixe uma resposta para anapaulaner Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *