Ciclovia não é passarela

Abril se foi e com ele aquelas mudanças loucas de temperatura. Maio, geralmente, é um mês de sol e de temperaturas mais altas. É hora de aproveitar para andar de bicicleta, mas sempre tomando cuidado: com você e com os pedestres.
 
A faixa destinada às bicicletas se chama Fahrradweg na Alemanha. A faixa pode estar demarcada na pista ou na calçada. Em alguns casos não há faixas, então a ordem é andar no lado direito da pista o mais próximo possível ao meio-fio. Eu confesso que a faixa na calçada não me agrada muito; não pela faixa em si, mas pelo uso que fazem dela.

Ciclovia - Fahrradweg

©Cerveja e Salsicha

Tenho a impressão que algumas pessoas acham que a demarcação em vermelho é uma passarela. A calçada está livre, mas elas andam exatamente sobre a faixa. Outras ficam paradas tirando foto, batendo papo ou pensando na vida exatamente ali onde não deveriam. 

O que você faz então? Toca a sineta, certo? Tem gente que fica com raiva, achando que você é que está errado. Mole? Aí eu pergunto? Alguém fica de bobeira no meio da pista? Não, né? 

Ainda tem aqueles que atravessam a faixa de bicicletas sem ao menos dar uma olhadinha para os lados. Pior ainda são aqueles que vem correndo sei lá de onde e simplesmente passam, ignorando a faixa. Aí só resta apertar o freio e rezar pra ninguém sair voando. Sei que tem ciclistas impacientes e que também não seguem as regras. Mas se ninguém (em situções normais) atravessa a rua sem olhar para os lados, por que fazer isso na ciclovia. Acidente de/com bicicleta machuca e pode ser muito sério!

Quando estiver passeando, dê uma olhada pra ver onde está a faixa de bicicletas. A faixa pode ser vermelha, com outro calçamento ou num nível diferente do restante da calçada. Não importa: se proteja deixando a faixa livre.

2 Responses to “Ciclovia não é passarela

  • aqui em Dresden é assim também…muito organizada esta Alemanha não!!!
    beijosss

  • Mas tem que ser mesmo, né? A cidade que quer incentivar o uso de bicicletas (por vários motivos) tem que garantir o mínimo de segurança e logística pra coisa dar certo.
    Eu adoro andar de bicicleta. Saber que a faixa será respeitada pelos veículos e pedestres dá tranquilidade para aproveitar o passeio 🙂 Já tá com sua bike pronta pra curtir Dresden?
    Beijos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *